A 9 de Maio de 1945, o Exército Vermelho decretava o "Dia da Vitória"

domingo, 30 de agosto de 2009

COMUNICADO À POPULAÇÃO DE DEGOLADOS



No próximo dia 11 de Outubro os eleitores do concelho de Campo Maior, vão ter mais uma vez a oportunidade de escolher os autarcas que irão estar à frente nos próximos 4 anos da Câmara Municipal, Assembleia Municipal e das 3 juntas de Freguesia. Os homens e mulheres que integram as listas da CDU, sonham e lutam por um mundo novo, justo, pacífico, solidário e fraterno. Mas também defendem valores como a verdade a honestidade e a dignidade, vem isto a propósito do boato que desesperadamente puseram a circular em Degolados, elementos de outra candidatura, que a CDU não iria apresentar lista na Freguesia de Degolados, para assim poderem falsamente recrutar com mais facilidade elementos para a sua lista, enganando e iludindo alguns Degoladenses mais distraídos e mal informados das intenções dos responsáveis da CDU a nível local. Não nos surpreende tal atitude, partindo de quem partiu, mas reprovamos firme e frontalmente. Ao boato à mentira e à calúnia, dizemos claramente Não! os verdadeiros democratas, e defensores dos valores de Abril não vão pelo caminho da maledicência e da intriga politica. E a provar o que dizemos apresentamos ao povo de Degolados, a lista dos nossos candidatos, que é sem sombra de dúvidas a mais capaz porque defendemos os interesses das populações, os interesses colectivos e não os interesses pessoais e com trabalho, honestidade, e competência contribuem para o desenvolvimento de Degolados e do bem-estar dos Degoladenses.

Campo Maior, Agosto de 2009

A Coordenadora Concelhia de Campo Maior da CDU


LISTA COMPLETA DOS CANDIDATOS CDU À FREGUESIA DE:

NOSSA SENHORA DA GRAÇA DOS DEGOLADOS


CANDIDATOS EFECTIVOS













1.- Manuel Afonso Silva Claudino
Reformado
Membro do PCP


2.- António Romão Terroa Rodrigues
Reformado
Membro do PCP

3.- Maria Angelina Charréu Barbicas Miranda
Operária Agrícola
Membro do PCP

4.- Ricardo Jorge Carixas Trinca
Enfermeiro
Independente

5.- António Manuel Pinto Vieira
Empregado Bancário
Membro do PCP

6.- António João Borrega Gonçalves
Empregado de Escritório
Membro do PCP

7.- José Manuel Paixão Rosinha Mourato Leão
Técnico oficial de contas
Membro do PCP

CANDIDATOS SUPLENTES

8.- José António Carrilho Favita
Reformado
Membro do PCP

9.- José Pedro Muacho Caldeirão
Reformado
Membro do PCP

10.- António José Faria de Paula Campos
Médico
Membro do PCP

NÃO MENTIMOS, NÃO ENGANAMOS E SOMOS DE CONFIANÇA




A campanha para as autarquias não pára, antes, intensifica-se, só que a campanha de alguns candidatos é feita e paga por todos nós, como foi o caso no passado dia 15, ao assistirmos a mais uma inauguração no Jardim Municipal, na zona envolvente à estátua de Santa Beatriz, com inauguração de um novo Coreto e mais uns novos e importantes sanitários para homens e mulheres. Cerimónia em ano de eleições, foi de pompa mesmo com o país em crise, onde actuaram vários grupos musicais, dos que recebem subsídios e ajudas para estarem sempre disponíveis e ao serviço do poder, de quem o tem e de quem o utiliza para seu proveito.

Toda a inauguração tem discurso e mais uma vez coube ao actual Presidente eleito nas listas do Partido Socialista: Partido Socialista que se afirma de esquerda, mas que faz política de direita, onde o Engenheiro Sócrates, o actual Primeiro-ministro é também o Secretário-geral do Partido Socialista, que elegeu nas últimas eleições os dois únicos deputados do nosso distrito, mas que durante 4 anos ninguém os viu porque se mantiveram mudos e calados em relação aos gravíssimos problemas porque todos nós passamos.

Mas que disse o edil socialista e candidato pelos chamados independentes, que de independentes nada têm “ a intervenção está ao gosto da população a ponto de terem manifestado diversas vezes exactamente isso, através do seu sentimento positivo, e é com alguma satisfação que ouço as pessoas aplaudirem o nosso trabalho e reconhecidamente estarem com a Câmara Municipal nas realizações que vamos fazer”, salientou João Burrica. Nós perguntamos, quem queria o Sr. Presidente que reclassificasse o Jardim, teria que ser o Sr. e os seus camaradas, antes socialistas, amanhã independentes. É natural que se mostrem contentes e inchados pelo trabalho realizado, trabalho que tinham e têm a obrigação de realizar, em prol dos que através do voto lhes confiou esse poder.

Mas os socialistas de ontem, independentes de hoje e amanhã são os mesmos que decidiram entregar a água aos privados, são os mesmos que num acto pouco democrático, mantém quadros técnicos, trabalhadores da autarquia impedidos de trabalhar, são os mesmos que ficaram em casa e nada disseram sobre a justa luta dos professores, que nada disseram e nada fizeram sobre o famigerado Código do Trabalho, são os mesmos, com pequenas diferenças, onde existia Muacho, passou a existir Funenga, todos juntos mais Secretários de Estado e Ministros da Nação, já anunciaram por várias vezes o arranjo da estrada do Retiro, são os mesmos e não são outros os que já fizeram a inauguração da nova piscina, piscina que continua fechada.

Ao Povo do nosso concelho, aos homens e mulheres lhes lembramos que dia 27 de Setembro vai haver eleições para a Assembleia da Republica e no dia 11 de Outubro para as autárquicas, é importante para todos aqueles que não têm emprego certo, que têm baixos salários, reformas de miséria, que votem na CDU, porque o voto é uma arma e é secreto e porque a CDU não mente não engana e é de confiança.

Campo Maior, Agosto de 2009

A Coordenadora Concelhia de Campo Maior da CDU

domingo, 23 de agosto de 2009

Mensagem do Candidato à Assembleia Municipal


O cabeça de lista da CDU à Assembleia Municipal do concelho de Campo Maior, António João Gonçalves, também teve uma intervenção durante a apresentação das listas onde começou por saudar todos os presentes, manifestado-lhe o seu reconhecimento por terem aderido a este importante acto da nossa vivência democrática, começando por salientar a sua participação ao longo dos 35 anos pós 25 de Abril de 1974, nos varíos orgãos autárquicos, desde membro da Assembleia de freguesia de S. Joaõ Batista, deputado na Assembleia Municipal e Vereador na Câmara Municipal ao longo de 15 anos, sendo para ele uma honra encabeçar desta vez a lista de um orgão tão importante como a Assembleia Municipal. Uma grande honra e uma enorme responsabilidade, pois o lema da CDU é como todos sabem, TRABALHO, HONESTIDADE E COMPETÊNCIA!

É com base neste lema que nós dizemos claramente que fazemos a diferença em relação às outras candidaturas e também porque as nossas listas são compostas por Homens, Mulheres e Jovens, que sonham e lutam por um mundo novo: LIVRE, JUSTO, PACIFICO, SOLIDÁRIO, FRATERNO, LIBERTO de todas as formas de opressão e de esploração; por gente que portadora e protagoniasta desse sonho e dessa luta, tem consciência do mundo em que vive, da necessidade de o transformar e do seu papel nessa transformação. E quando alguns dizem que são todos iguais(para baralhar as mentes menos conscientes politicamente) nós dizemos não e, cito como exemplo, a questão das remunerações, em que os eleitos da CDU não são beneficiados nem prejudicados monetariamente.

Quando outros entregam bens públicos, como por exemplo a água ou equipamentos construídos com dinheiros dos nossos impostos, para serem explorados por empresas privadas, nós dizemos NÃO! Quando nós assistimos ao encerramento de maternidades(é uma vergonha muitas das mães da nossa terra e da nossa região terem que ter os seus filhos num pais estrangeiro), centros de saúde e escolas, e o poder local democrático ficar silêncioso, está a ser cúmplice dessa situação, quando deveria estar ao lado das populações que os elegeu, bem como a aprovação do código do trabalho que tanto mal faz aos trabalhadores e outras medidas que os socessivos governos do PS, PSD e CDS têm levado a efeito, com a CDU na autarquia não calaremos a nossa revolta e contarão com firme oposição dos nossso eleitos.

Aqui na CDU não somos nem seremos moletas de ninguém, estamos aqui para servir exclusivamente Campo Maior e os Campomaiorenses, não queremos o poder a qualquer preço, pertencemos a esta grande coligação democrática livres e conscietemente e, quando o povo da nossa terra perder o medo de que está possuído e descobrir o seu verdadeiro caminho, vai votar CDU, porque só a CDU está em condições de acabar com a situação de conflito e de crispação em que ultimamente se tem vivido na nossa terra, pois somos pela pacificação e pela harmonia, mas também pelo desenvolvimento harmonioso de Campo Maior e pelo bem estar dos Campomaiorenses. Vamos trabalhar afincadamente e acreditar que desta vez, SIM É POSSIVEL levar a CDU à vitoria no próximo dia 11 de Outubro.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Jerónimo de Sousa no Alentejo


Jerónimo de Sousa participou num almoço-convívio em Ervedal (concelho de Avis) e numa sessão pública em Avis, onde chamou a atenção para os milhões de euros de lucro obtidos pela banca e pela Galp, EDP e REN, confirmando-se assim que a crise não é para todos. O Secretário-Geral do PCP reafirmou ainda a necessidade de uma verdadeira mudança de políticas, só possível com o reforço do PCP e da CDU

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Apresentação das Listas da CDU às Autarquias locais

A CDU apresentou na passada semana as listas concorrentes à Câmara Municipal de Campo Maior, bem como à Assembleia Municipal e Juntas de Freguesia urbanas. Por problemas de agenda os candidatos à Junta de Freguesia de Nossa Senhora dos Degolados, só mais tarde será apresentado. O cabeça de lista, à Câmara Municipal, António José Faria de Paula Campos, começou por saudar todos aqueles que "que acreditando no projecto da CDU, aderiram à lista para que em conjunto desenvolver uma nova politica autárquica, com uma atitude diferente, de diálogo e não de costas viradas, uma politica transparente tendo em vista o desenvolvimento e o bem-estar geral" referindo que pertencem às listas da CDU, não apenas membros do PCP, mas também d' Os Verdes", para além de muitos independentes".

O candidato realçou que o grupo que forma as listas da CDU é "um grupo de residentes em Campo Maior que pretende desenvolver uma politica autárquica de desenvolvimento sustentado democrático dirigido a toda a população seja ela qual for, de uma forma virada para o progresso e para que todos possamos dizer que vale a pena viver em Campo Maior."










Paula Campos afirmou que, no caso de ser eleito terá sempre em consideração a "relação custo / benefício e custo/eficácia e o estado financeiro da autarquia não gastar dinheiro só por gastar sem qualquer benefício."

Quanto a propostas o candidato da CDU revelou que as principais propostas irão passar pelo apoio à terceira idade, pretendendo promover uma estreita colaboração com a Santa Casa da Misericórdia. Ainda a nível social a CDU vai também fazer uma forte aposta na intervenção precoce, através da criação de um "grupo de trabalho de acompanhamento e de apoio aos menores de 15 anos em situação de risco."

A segurança foi outro dos pontos em destaque na apresentação. Neste aspecto as principais propostas passam pela tentativa de criar o chamado "policiamento de proximidade" de forma a que as forças policiais consigam que a população se sinta em segurança e ao mesmo tempo prevenir antecipadamente potenciais desacatos, principalmente no que se refere à animação nocturna.

A Juventude também foi abordada sendo proposta a criação de um grupo dinamizador composto por jovens, com o controlo logístico do município, que programe actividades direccionadas à juventude. Também se propôs a remodelação da Semana da Juventude através da promoção de colóquios com temas que sejam considerados importantes para os jovens.

A sempre problemática questão das Festas do Povo também foi abordada com a CDU a comprometer-se a "desenvolver as festas do povo como manifestação cultural e de lazer, interrogando sempre a população para saber se quer ou não festas, qual o espaço a ocupar e quem as fará, tudo isto com o devido acompanhamento da Associação das Festas.

Também o Turismo foi focado com a intenção de desenvolver esforços no sentido de ter as Igrejas abertas, potenciando a importância da Capela dos Ossos. Existe também a preocupação de recuperar os castelos de Campo Maior e de Ouguela, bem como dar uma nova cara à Barragem através do melhoramento do Parque de Campismo.

Por fim, o desporto também não foi esquecido, ficando a promessa de aproveitar as potencialidades do concelho através da promoção de eventos como vela, btt, desportos radicais, etc.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Sim é possível, vencer as eleições!


Pela primeira vez, em Campo Maior, foi pintado um mural alusivo a uma força política!
Fica assim demosntrado que a CDU está presente em Campo Maior e conta com todos para vencer estas eleições e representar da melhor forma possível a autarquia campomaiorense!
Com esta simples frase que pode ser interpretrada das mais diversas formas pretendemos apenas dizer: Sim é possível tornar Campo Maior mais justa para todos os que nela vivem.
Saudações!

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Apresentação

Apresentamos desde já o blog da CDU do concelho de Campo Maior.

Com este blog pretendemos divulgar a actividade e as ideias desta coligação formada pelo Partido Comunista Português, pelo Partido Ecologista "Os Verdes", pela Intervenção Democrática e por muitos independentes, ideias essas que visam solucionar muitos dos problemas do nosso concelho na sua maioria simplesmente esquecidos pelos sucessivos executivos camarários.

Está na hora da mudança, o voto na CDU é um voto no trabalho, na honestidade e na competência; o voto na CDU é necessário, com ele devolve-se a paz e a fraternidade aos campomaiorenses.

No dia 11 de Outubro vota CDU com toda a confiança.